Mestre Araújo

Pedro II

Nascido em Domingos Mourão em 03 de julho de 1952, Araújo esculpe e entalha originais e expressíveis imagens, que bem representam a arte santeira do Piauí. Começou a demonstrar sua extraordinária pré-fase em esculpir Arte Sacra por volta de 1961, em sua cidade natal, onde esculpia ex-votos por encomenda. Em 1969 começou a criar suas próprias imagens: uma Nossa Senhora de Fátima e um São Sebastião.

Em 1973, o extraordinário mestre-santeiro Mestre Dezinho (1916-2000) e o tio de Araújo, o não menos extraordinário Mestre Expedito, convidaram o então jovem pretendente a Mestre-Santeiro para ajudá-los na construção das portas da igreja da Vermelha em Teresina. Com este trabalho bem-sucedido teve início a fama de Araújo e as encomendas de peças sacras não pararam mais.

O pacato escultor de Pedro II trabalha habilmente suas peças, em geral de imburana de espinho, de troncos mortos, derrubados nos desmates.

A arte de Mestre Araújo ultrapassou fronteiras. Esculpiu em Teresina, Fortaleza e Belo Horizonte, onde participou de várias exposições. Araújo tem suas obras expostas e admiradas na Itália, Alemanha, França, Espanha, Portugal e outros países.