Artesões piauienses vendem 300 mil em feira Feira nacional de negócios do artesanato trouxe resultados positivos para artesões piauienses

A Feira nacional de negócios do artesanato (FENEARTE), aconteceu dos dias 03 a 14 de julho, e contou com a presença de 13 artesões piauienses. Já no primeiro dia de evento o artesanato já contabilizava R$ 52.600.00 em obras vendidas, os valores vendidos aumentaram durante os dias de feira, o que resultou em um crescimento de 15% em relação as edições passadas do evento.

Para o Superintendente de desenvolvimento do artesanato piauiense, Jordão Costa, esse retorno positivo tem uma grande importância para a economia do nosso estado. “A Fenearte é maior feira de artesanato da américa latina, ela reúne mais de 3.000 expositores do mundo todo e o Piauí é dos grandes destaques e é uma honra para nosso artesanato piauiense ter um dos stands mais visitados da feira, o que faz com que fiquemos sempre entre os 3 estados que mais vendem, nessa edição em especifico, fechamos como o 2º estado que mais vendeu”. Conclui o Superintendente.

Josielton Sousa, Artesão, é outro nome do nosso estado que também está presente na Fenearte, Josielton conta como está o andamento da feira e quais suas expectativas para essa edição do evento. “A Fenearte é uma feira diferenciada das demais, é a maior da américa latina, e isso faz com que a expectativa seja boa em relação as vendas. As vendas no primeiro dia da feira, foram melhores que as vendas do primeiro dia da edição passada”. Conclui o artesão.

Segundo a coordenadora geral da Fenearte, Márcia Souto, o balanço da maior feira de artesanato da América Latina foi positivo. “O público foi aproximadamente o mesmo do ano passado, o que é considerado muito bom. A circulação econômica no evento foi de R$ 2 milhões a mais, ou seja, mesmo na dificuldade da economia, a feira teve retorno”, contou Márcia, ao comentar sobre essa maior movimentação de vendas.

Na 19º edição do evento, o Piauí contabilizou em vendas, em torno de R$ 255.000.00, os artesões estão vendo o crescimento de 15% nas vendas com bons olhos, e demonstram esperanças para que esse número cresça ainda mais nas próximas edições do evento.

 

 

ASCOM – SUDARPI – Wallace Alves